Europa reavalia a restrição para os plásticos de uso único

PUBLICADO

Em meio à pandemia, a European Plastics Converters (EuPC) enviou uma carta aberta à Comissão da UE, defendendo o adiamento da Diretiva de Uso Único em Plástico.

Na visão da EuPC, a diretiva foi conduzida por motivações de cunho político, e não prático, não levando em conta, por exemplo, as conseqüências higiênicas oriundas do banimento ou mesmo redução dos plásticos de uso único – algo que se provou especialmente importante no combate à disseminação da Covid19.

“A agressão ao plástico, seguida por muitos políticos está saindo pela culatra”, cita a carta aberta da EuPC à Comissão da UE, “e é hora de trabalharmos juntos para reconstruir a economia e proteger a saúde do consumidor, enquanto impulsionamos a circularidade da indústria do plástico”.

O resultado da carta foi o adiamento do banimento por mais um ano, enquanto se “discute mais amplamente a questão”.

Compartilhe isso:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Relacionados